A Artista

Ilse Ana Piva PaimPós-graduação em História da Arte e Praxis.PUC(1983)possui graduação em Artes Plásticas pela Universidade de Passo Fundo (1979) e graduação em Educação Artística pela Universidade de Passo Fundo (1977), mestre em Educação, artista plástica, arte educadora e pesquisadora disciplinada e incansável, sobretudo em relação aos temas sociais, ou temas que contém elementos estruturantes de nossa identidade social, provoca inquietação ao retratar desde catadores de lixo, tornados invisíveis aos nossos olhos pela via cruel da exclusão social, até os remanescentes de povos primitivos (indígenas), que tiveram um papel fundamental na formação de nossa identidade e história, população dotada de imensa riqueza cultural e, hoje, tristemente marginalizada e desprezada por parte significativa da sociedade, que tende a desprezar a força da mestiçagem como elemento constituidor vital do povo brasileiro. Texto: Tânia Eberhart

Abaixo alguns depoimentos sobre Ilse Ana:

Parabéns Ilse Ana por seu trabalho, és uma referência cultural para nossa cidade, sou um grande admirador da sua arte. Continue assim, levando o nome e as pessoas de Carazinho para o mundo. Sucesso!!!!!!!!
Cristiano Costa (Tito) – Carazinho – RS – Brasil
Oi prof. Ilse! Estou tão feliz em saber que virás conhecer nossa escola. Sinto-me priviligiada em ter tido momentos maravilhosos na ULBRA contigo, momentos muito importantes na minha vida profissional e pessoal. Abraços!
Neiva Simone Heller – Não-Me-Toque – RS – Brasil
Mãos fortes semeam… e mãos sensíveis conseguem retratar a agricultura de forma tão bela e profunda! Mais uma vez, parabéns pela série “Colheitas”… que você continue colhendo safras maravilhosas com o teu trabalho e teu caráter…
Um abraço, Dani Secco
Admiração,orgulho,amizade,carinho,afeto,talento,paixão,amor,trabalho,alegria,…e todos os adjetivos e sentimentos bons,se adaptam para ti e por ti! meu abraço de “mana” maio de 2008
Maria Jacinta Arsego Zuch
Ilse Ana!
Tive o privilégio de conhecer pessoalmente tua Galeria e hoje, distante e saudosa da cidade onde vivi por quase 50 anos, tento retornar de formas diferentes e uma delas foi visitando esse espaço maravilhoso… tua arte dignifica Carazinho e orgulha todos Carazinhenses… Desejo-te sempre mais sucesso e envio-te meu abraço carinhoso.
Dalva Bólico.
Como sempre sua arte é comovente,completa,imbuida de muito sentimento,quem vê uma obra sua jamais esquece .Às vezes me pego pensando o que te levou a fazer esta ou aquela obra……É muito bom pensar em arte. Beijos Márcia Em breve estaremos em novo endereço.Mandarei um mail dizendo qual.
Márcia Noemi M. Alam
Cara Ilse, Tive a felicidade de receber um e_m@il da Comadre Dirce falando do seu consagrado trabalho. Limitando-me à série “Catadores de Sonhos”, devo registrar que: “muito impressionante”. Particularmente fiquei emocionado com as obras, pois na minha humilde percepção da sua arte, vejo que nos rostos dos teus personagens, contém algo mais, talvez até um pouco da alma deles. Arisco-me a dizer que no coração do homem cabe o mundo, e feliz daquele que consegue traduzir seus sentimentos e emoções em arte, compartilhando com quem tem sensibilidade para captá-la. Um grande abraço.
Carlos Selvando Scheneider
Cara Ilse Ana.Tua obra é realmente impressionante, especialmente as séres “nus” e “vestígios”. Revelam uma sensibilidade rara nos artistas e que tens que explorar cada vez mais.A luminosidade das telas é um ponto que realmente chama a atenção. Fico muito orgulhoso, como gaúcho meio desgarrado dos pampas, quando vejo tanto talento em nosso Rio Grande. Temos que fazer com que o Brasil te conheça.Parabéns e um abraço.
Paulo Tonet Camargo

Os comentários estão encerrados.